Encarnado e Branco

TVGolo.com - Novos Golos

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Promete...

Jorge Sousa (Porto) é o próximo.

Etiquetas: ,

posted by J G at 8:19 da tarde . | link | 9 Comentários

É Isto

Luisão: «Ganhar o próximo jogo é fundamental»

Etiquetas:

posted by J G at 2:13 da tarde . | link | 2 Comentários

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Ano Novo Horários de Sempre

Trofense - Benfica num domingo às 20h30 na Trofa.
Espectáculo!

Etiquetas:

posted by J G at 8:59 da tarde . | link | 3 Comentários

Importa-se de repetir?

«Batiam-me menos se falasse com sotaque» - Carlos Queiroz

Etiquetas:

posted by J G at 6:10 da tarde . | link | 0 Comentários

O Ano está a acabar

E o Benfica lá está no 1º Lugar.
Já passámos o Natal na frente e agora vamos passar o ano no comando.

Etiquetas:

posted by J G at 5:25 da tarde . | link | 0 Comentários

domingo, 28 de dezembro de 2008

Os Dinheiros dos Árbitros


in abola

Etiquetas:

posted by J G at 12:48 da tarde . | link | 0 Comentários

sábado, 27 de dezembro de 2008

Grande Entrevista: Nuno Gomes

Qual a sensação de chegar a 2009 como campeão de Inverno, algo inédito na sua carreira desde que representa o Benfica?

— O título de Inverno é algo simbólico. É evidente que é bom chegar a esta altura do ano na liderança, mas o título que conta é o que se alcança no final do campeonato, em Maio. Apesar do estímulo que tudo isto nos traz, não podemos perder de vista que, na verdade, ainda não ganhámos nada. Temos de redobrar esforços para garantir a defesa do primeiro lugar, até porque já se viu, nos últimos jogos, que temos pela frente mais adversários do que seria suposto.

— Crê que o Benfica está na rampa de lançamento para a conquista do título 2008/09?

— A melhor garantia de que estamos no caminho certo para a conquista do título é o empenho e o trabalho diários. Todos podem contar com esta atitude por parte dos jogadores. Este é o nosso principal objectivo e vamos persegui-lo de todas as formas.

— A entrada de jogadores de grande qualidade, como Suazo, Reyes ou Aimar, tornou mais difícil o seu acesso à titularidade indiscutível. Como reage a este fenómeno? Motiva-o ainda mais?

— É bom para o Benfica contar com jogadores de qualidade, o problema seria se vivêssemos uma realidade contrária. Não há indiscutíveis neste grupo e isso só beneficia a equipa. Estou hoje tão estimulado como sempre estive, porque aquilo que me estimula é vestir a camisola do Benfica! Essa deve ser a postura de qualquer atleta que vista esta camisola.

— O Nuno chegou ao Benfica já depois dos anos dourados da mística. Sente que volta a haver uma ambiência especial dentro do balneário ou isso ainda está longe?

— A responsabilidade de representar o Benfica é algo que todos sentimos, porque a história deste clube é demasiado grande para que alguém possa ficar indiferente a ela. Não vivemos da história, mas queremos fazer história e essa é a nossa responsabilidade! O facto de termos um presidente empenhado na recuperação dessa mística e um director desportivo que a simboliza faz-nos acreditar que estamos no bom caminho!


«Neste Benfica não jogam nomes»

— Este é o melhor plantel encarnado nos 11 anos em que mantém contacto directo com o Benfica?

— Não vou fazer valorações desse tipo, sendo certo que o melhor plantel é sempre aquele que ganha! É sempre muito discutível comparar grupos. O que eu sinto é que temos um bom grupo de trabalho, com jogadores que estão concentrados em ajudar o Benfica, independentemente do nome. Neste Benfica não jogam nomes, jogam profissionais que têm a noção da responsabilidade, mas também do orgulho que é representar o Benfica!

— Hoje em dia, onde se sente mais confortável a jogar, a 9 ou a 10?

— Hoje, como sempre, sinto-me confortável a jogar!


«NINGUÉM RENDE O MESMO TODOS OS DIAS»

— Como explica a inconstância de rendimento da equipa ao longo da época, de Atenas ao Funchal, por exemplo?

— A inconstância é algo próprio das pessoas. Ninguém rende o mesmo todos os dias, qualquer que seja a profissão. Agora, o que houve, em determinadas situações, foi uma variação muito grande em relação ao rendimento da equipa, e é isso que temos de corrigir. Por outro lado, não podemos esquecer que esta equipa teve várias entradas e novos responsáveis técnicos. Tudo leva o seu tempo a ganhar determinadas rotinas e dinâmicas. Não se altera tudo só porque essa é a nossa vontade! Se assim fosse era fácil!

— Sente que este ano há grandes diferenças entre Benfica, Sporting e FC Porto?

— Quero preocupar-me apenas com o Benfica. Não vale a pena olhar para o lado, nem para trás, o importante é concentrarmo-nos naquilo que temos de fazer. Se fizermos isso, no final vamos verificar que cumprimos o nosso objectivo!

— Quique Flores pode ser comparado a alguns dos técnicos com quem já trabalhou? Tem o quê, de quem?

— Qualquer comparação pode levar a algumas injustiças, e por isso prefiro não o fazer. Todos os técnicos tem as suas características e os seus modelos de trabalho. É evidente que o trabalho que toda esta equipa técnica tem desenvolvido deve ser destacado. Há novos métodos de trabalho, uma nova dinâmica. Sinto todos os jogadores motivados!


«saber conviver com as críticas»

— As críticas de Quique Flores depois do jogo com o Metalist foram justas?

— Os jogadores devem saber conviver com os elogios, mas principalmente com as críticas. As grandes equipas e os grandes jogadores são aqueles que nos momentos difíceis conseguem reagir. Se o treinador assumiu a crítica, a única coisa que devemos fazer é ter a humildade de procurar corrigir aquilo que de mal foi feito. As críticas devem ser sempre encaradas como uma oportunidade para melhorar!

— Sem Taça de Portugal nem UEFA, o foco total na Liga é uma pressão acrescida?

— Não é uma pressão, é um estímulo. Jogar para o título é algo normal para quem aqui joga. O que não foi normal foi termos ficado de fora da UEFA da forma como ficámos, mas não vale a pena ficarmos 'agarrados' ao que fizemos mal no passado, o que vale a pena — repito — é analisar o que foi feito e corrigir para o futuro. Se o conseguirmos, como creio que vai acontecer — então a Taça UEFA terá deixado algo positivo neste grupo.

— Rui Costa está próximo da equipa? Como o vêem agora, como um dos vossos, ou como um dos «outros»?

— Só mudou de indumentária, mas continua a ser um dos «nossos» que passou a 'jogar' em outro campo.

— Rui Costa disse recentemente que a sua renovação será fácil. Qual é o ponto da situação e que arestas estão ainda por limar? É para breve?

— O que o Rui disse e eu posso confirmar é que há vontade de ambas as partes em manter esta ligação. Já o disse por diversas vezes que a minha vontade é terminar aqui a minha carreira, mas terminar sabendo que continuo a ser útil e que as pessoas reconhecem que continuo a ser uma mais-valia para o clube. Sinto que o Rui reconhece isso! Mas esse é outro dos assuntos que têm um local próprio para serem tratados e — apesar da vossa curiosidade que é compreensível — não é nos jornais. Quando houver novidades o clube anunciará!


«sinto-me um privilegiado»

— Como avalia o apelo à exigência feito recentemente pelo presidente Luís Filipe Vieira?

— É normal, e é bom que todos tenhamos um grau de exigência grande. Os jogadores são os primeiros a saber do enorme esforço que todos os dias é feito pela SAD para garantir que nada falta aos profissionais do Benfica. Estamos num tempo em que todo o trabalho tem de ser avaliado. O presidente do Benfica tem toda a legitimidade ao exigir de todos os profissionais do clube o máximo empenho!

— Sente-se, por vezes, incompreendido pelo Terceiro Anel, um pouco à imagem do que acontecia nas décadas de 70 e 80, com Nené, o segundo melhor marcador de sempre da história do clube?

— O público tem sido fantástico e só espero que a equipa possa continuar a beneficiar do apoio que nos tem sido dado. Não me sinto incompreendido, sinto-me um privilegiado por poder fazer parte deste clube!

— Já cumpriu 350 jogos pelo Benfica. Sente-se já um símbolo do clube?

— Sinto-me apenas um jogador do Benfica, que quer ajudar e contribuir para os êxitos da equipa. Nada mais do que isso!

— Acredita no apuramento da Selecção Nacional para o Mundial de 2010?

— Temos de acreditar. Apesar do caminho nesta altura ser estreito, temos obrigação de continuar a pensar que é possível estar presentes na África do Sul. A nossa Selecção tem capacidade para dar a volta. Continuo a pensar que é possível!

— O que mudou com a saída de Luiz Felipe Scolari?

- Mudou o nome do seleccionador e naturalmente os métodos de trabalho. Ninguém põe em causa a capacidade de trabalho e a competência do professor Carlos Queirós.

— O que mais deseja para o ano de 2009?

— Sem dúvida, retribuir todo o carinho e apoio que os adeptos nos têm dispensado e poder oferecer-lhes o título de campeão.

in ABola

Etiquetas: ,

posted by J G at 3:31 da manhã . | link | 1 Comentários

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Boxing Day


I Love This Game

Etiquetas:

posted by J G at 12:40 da tarde . | link | 0 Comentários

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

Bom Natal


Desejo a todos os leitores, aos que comentam, aos anónimos, aos companheiros de bancada, aos que acompanham ao longe, aos rivais, a todos menos ao Pedro Henriques, um BOM NATAL!
posted by J G at 11:41 da manhã . | link | 6 Comentários

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Benfica 0 - 0 Nacional

Duas palavras:
ROUBA - LHEIRA !

Etiquetas: ,

posted by J G at 12:21 da manhã . | link | 28 Comentários

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Qual Vai Ser a Desculpa Para Não Ir Hoje?!


Pelo melhor natal dos últimos anos.
FORÇA BENFICA!

Etiquetas:

posted by J G at 11:47 da manhã . | link | 10 Comentários

Benfica - Nacional


Etiquetas: ,

posted by J G at 10:03 da manhã . | link | 1 Comentários

domingo, 21 de dezembro de 2008

Convocados para Receber o Nacional

Guarda-redes: Moreira e Moretto;

Defesas: Maxi Pereira, Luisão, Sidnei, Miguel Vítor, David Luiz e Jorge Ribeiro;

Médios: Katsouranis, Binya, Yebda, Balboa, Ruben Amorim, Urreta, Di Maria e Aimar;

Avançados: Cardozo, Nuno Gomes e Suazo.

Etiquetas:

posted by J G at 7:16 da tarde . | link | 0 Comentários

sábado, 20 de dezembro de 2008

Rui Costa Diz

"Não gosto de nins, mas esqueçam uma revolução! Poderão existir retoques, entradas e saídas, mas nem sequer é garantido"

Ontem na Benfica TV.

Etiquetas:

posted by J G at 11:35 da manhã . | link | 11 Comentários

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Campeões de Inverno : Dúvida

Quem me explica como se obtém o título de Campeão de Inverno tantas vezes dado ao Porto?
É preciso dobrar o campeonato no 1º lugar, ou basta passar o Natal e Fim de Ano na frente?

Etiquetas:

posted by J G at 4:39 da tarde . | link | 5 Comentários

Na Europa com o ... Bayern


Pronto, já escolhi a equipa a apoiar o resto da época na Europa.

Etiquetas:

posted by J G at 11:13 da manhã . | link | 10 Comentários

Benfica 0 - 1 Metalist

Já fui a enterros mais animados.
O público não quis nada com a equipa.
A equipa não quis nada com a bola.
O Quique começa a enervar-se.
E eu vi lenços brancos!
Mostrar lenços brancos no fim de um jogo que já nada decidia é de génio. Os adeptos do Benfica conseguem sempre surpreender. 11 mil responderam à chamada e foram ver o seu clube jogar. Já vi treinos de pré época com mais gente.
No fim do jogo fiquei deliciado a olhar para as duas bancadas centrais onde se agitaram meia dúzia de lenços (?) brancos! Fantástico.

O futebol é engraçado. O Benfica esta época cometeu a fantástica proeza de eliminar uma equipa italiana ao fim de 25 anos! O Nápoles caiu na Luz, e é uma equipa que está nos primeiros lugares da Serie A.
O mesmo Benfica chega à fase de grupos e vive um pesadelo. Se pudesse voltar atrás preferia ter sido eliminado pelo Nápoles e poupava-se esta fase má, e ninguém levava a mal porque estava tudo no principio e tal... Mas na altura? Alguém preferia perder? Pois...

Deixámos a Europa de forma bruta e mantemos a esperança que isto nos venha a dar mais forças para consumo interno.

Etiquetas: ,

posted by J G at 10:31 da manhã . | link | 7 Comentários

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Eu Vou

Bonito mesmo não era marcar 8 golos, isso seria milagre, bonito era enchermos as bancadas da Luz para apoiarmos o Benfica. Para ver o Benfica jogar. Para mostrar que somos do Benfica e que gostamos mesmo é de estar na nossa Luz com a nossa equipa.
Ainda ontem estava a ver resumos de jogos da UEFA e os comentadores do Eurosport , uma excelente dupla por sinal, dizia que era impressionante a paixão dos adeptos do Hamburgo que encheram o estádio para ver o jogo com o Aston Villa quando o apuramento até já estava garantido.
Eu temo que a diferença entre os adeptos ingleses, ou alemães , é que a sua paixão é genuína. Não tratam os seus clube na primeira pessoa do plural só quando estão bem, para depois já usarem a terceira pessoa do plural.
Exemplos?
- Pá, granda joga que fizemos ontem na Madeira! Até podiam ter sido mais.
- Bem, aqueles gajos são uma vergonha. Uma vergonha!

Isto é a mesma pessoa a falar da mesma equipa, do mesmo clube.
Esquizofrenia?
Não. Oportunismo.
E o pior é que são quase todos assim. Isto num universo tão grande nota-se bem.
Se eu estiver enganado logo o estádio da Luz recebe 40 mil pessoas.
Mas cheira-me que não estou enganado.
Eu vou.
Tal como fui na segunda mão da eliminatória com o Celta. É uma questão de coerência. O Benfica não joga todos os dias. Joga muitas vezes, mas por mim jogava todos os dias. Não há coisa melhor que dia de jogo do Benfica.

Etiquetas:

posted by J G at 10:47 da manhã . | link | 12 Comentários

Benfica - Metalist

Etiquetas: ,

posted by J G at 9:28 da manhã . | link | 3 Comentários

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Convocados Para os 8-0 ao Metalist

Guarda-redes: Moreira e Moreto;

Defesas: Maxi Pereira, Miguel Vítor, Luisão, Sidnei e David Luiz;

Médios: Katsouranis, Binya, Yebda, Fellipe Bastos, Aimar, Balboa, Urretavizcaya e Di Maria;

Avançados: Cardozo, Nuno Gomes e David Suazo.

Etiquetas:

posted by J G at 2:48 da tarde . | link | 2 Comentários

Até Que Ponto se Pode ser Estúpido?

No caso do estimado José António Lima não há limite, não há ponto, como se pode , mais uma vez, comprovar pelo pedaço de lixo publicado n'A Bola.

Isto a propósito de Vukcevic. O que o homem se foi lembrar:

EM flagrante contrapartida, no Benfica, a passagem do antes titularíssimo lateral-esquerdo Léo à condição de suplente de Jorge Ribeiro, por opção de Quique Flores, foi alvo de um complacente manto de silêncio, de uma indiferença generalizada na imprensa. Chegando-se ao ponto de a exclusão do jogador brasileiro dos planos do treinador ter sido depois transformada, a meio de Novembro, num acto de generosidade cristã para lhe permitir acompanhar a família doente no Brasil… Caso nunca visto no mundo do futebol profissional.

Léo, recorde-se, além de ser um dos jogadores mais acarinhados pelos adeptos benfiquistas, recebeu no início da época tratamento privilegiado de Rui Costa para renovar o contrato e se manter no clube. Depois de o ter feito, realizou, esta época, menos de dois jogos completos no campeonato e viu-se remetido para a condição de não convocável. Apesar de o Benfica apenas ter Jorge Ribeiro para o seu lugar, sendo Quique Flores obrigado a improvisar agora a utilização de David Luiz na sua posição...

Não terá o Benfica sentido, nesta sua irregular caminhada competitiva, problemas evidentes na ala esquerda da sua defesa? A ausência de Léo não é notada e não suscita interrogações? Pelos vistos não: é difícil encontrar mais do que uma referência à exclusão de Léo nas primeiras páginas dos últimos meses ou em qualquer pergunta televisiva dos jornalistas desportivos.

O afastamento de Léo, tal como a inactividade do ainda há pouco contratado Makukula ou do idolatrado Mantorras, não suscitam estranheza. Nem um décimo da curiosidade do caso Vukcevic. Ou um espírito mínimo de investigação jornalística. Nada.

Léo, ao contrário de Vukcevic, é um não-caso. E é fácil perceber porquê.


É. Da minha parte está mais do que percebido.

Etiquetas:

posted by J G at 2:31 da tarde . | link | 21 Comentários

A Violência Que Não Preocupa

Depois das manchetes dedicadas a um grupo de adeptos detidos, e de tanto alarido, fico a pensar porque é que o país não discute também notícias como esta que vem hoje na última página d'A Bola:

Comitiva ameaçada em Gondomar por três indivíduos Caçadeiras apontadas na direcção do autocarro Queixa-crime já feita à PSP
Aequipa de futsal do Benfica passou por um enorme susto na noite do passado dia 5, em Gondomar, na véspera do jogo com a Fundação J. Antunes, quando foi ameaçada por três sujeitos armados de caçadeira, na via pública. As imagens do incidente só ontem foram tornadas públicas no noticiário das 21 horas da Benfica TV. O clube da Luz já apresentou na PSP queixa-crime contra desconhecidos por ameaçaà integridade física de todos aqueles que viajavam no autocarro encarnado.

Tudo aconteceu em Gondomar e com a equipa benfiquista de futsal que escolheu aquela cidade para pernoitar antes do jogo que disputou no dia seguinte, com o Fundação J. Antunes, e que acabou por ser interrompido ao intervalo e só ontem foi concluído (ver pág. 24).

Após o jantar e quando a comitiva viajava para o hotel foi surpreendida na estrada com a presença de três indivíduos armados com caçadeiras. Valeu o sangue-frio do motorista, que não se amedrontou e conseguiu escapar.

O episódio aconteceu no dia 5 mas só ontem, uma vez concluído o jogo, foi tornado público. De acordo com as informações apuradas, a cena foi filmada, tendo o canal de televisão do clube emitido ontem algumas das imagens que poderão auxiliar as autoridades na investigação e identificação dos responsáveis.

Contactadas por A BOLA, tanto as quatro esquadras da PSP como os dois postos da GNR de Gondomar revelaram «total desconhecimento» de qualquer acto violento, bem como a apresentação de queixa, mas o Benfica garante já o ter feito, muito provavelmente numa esquadra de Lisboa.

Etiquetas:

posted by J G at 1:02 da tarde . | link | 1 Comentários

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

" Tempo não pode significar menor empenho"

A frase é do Presidente do clube durante o almoço de Natal de ontem.
Afinal, o discurso do Presidente está em sintonia com a mensagem do Director do jornal do clube, e com a maioria dos bloggers benfiquistas.

A conversa do ano zero não me parece ser a mais inteligente. Não porque seja descabida, mas sim porque já foi gasta antes.
O problema do Benfica nos últimos 15 anos é recorrer ao discurso do ano zero todos os... anos. A primeira vez que se falou em ano zero na verdade estávamos no ano - 14, ou 14 ARC (antes de Rui Costa).

Este ano todos nós sabemos que será difícil vencer vencer uma competição, mas todos estamos empenhados a ajudar, cada um à sua maneira, e a acreditar nessa possibilidade. Porque até podemos estar mesmo no ano zero de um projecto que tem como rosto o novo dirigente Rui Costa que em meio ano nos tem dado garantias de melhorias significativas, especialmente, ao nível da qualidade.

Compreendo o Quique quando fala em apuramento para a Liga dos Campeões como grande objectivo do ano, de preferência como campeão. Eu entendo, mas compreendo também a exigência que Vieira fez ontem de forma mais cautelosa do que era habitual nele de mais empenho. No fundo aquilo que pediu o Director do Jornal após os desaires na Grécia e com o Vitória em casa. É mesmo preciso "apertar" com os nossos jogadores, eles têm que ser pressionados a não falharem.
Acertado discurso presidencial:

"Tempo não pode significar menor empenho. Significa, isso sim, rigor e responsabilidade. Significa a necessidade de reclamar em cada dia mais trabalho, implementando uma dinâmica vencedora que deve passar a constituir regra e não excepção. Todos somos responsáveis pelo futuro do clube e devemos ter a noção do enorme investimento que foi feito e da necessidade de esse investimento obter o devido retorno."

Etiquetas:

posted by J G at 11:48 da manhã . | link | 6 Comentários

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Tore André Flo Para Descontrair

Lido no Maisfutebol:

Tore André Flo, antigo internacional noruguês, decidiu trocar (provisoriamente) o relvado dos campos de futebol pelos salões de dança. O antigo jogador do Chelsea participou num programa de televisão do seu país, no qual algumas personalidades são desafiadas a dar «um pezinho de dança», à semelhança do que é feito também em Portugal.

Mas não se julgue que Tore André Flo virou completamente as costas ao futebol. Nada disso. Numa das sessões do programa, o jogador de 35 anos apareceu a dançar com o equipamento da selecção norueguesa, e na companhia de uma «partner». Nadya, de seu nome, vestia as cores do Brasil, numa alusão ao facto do seu companheiro de dança ter marcado dois golos na vitória da Noruega sobre o «escrete», no Mundial 1998.

E não se pode dizer que a dupla tenha funcionado mal. Tore André Flo e Nadya ficaram em segundo lugar na terceira série do programa «Skal vi danse?», que é como quem diz «Dança comigo?» em norueguês. Ainda assim, o antigo jogador do Chelsea decidiu não seguir a via artística, e voltou ao futebol. Alguns dias depois foi apresentado como reforço do Milton Keynes Dons, equipa do terceiro escalão do futebol inglês e orientada por Roberto di Matteo, seu antigo colega em Stamford Bridge.

Etiquetas:

posted by J G at 12:10 da tarde . | link | 4 Comentários

domingo, 14 de dezembro de 2008

Leixões 0 - 0 Benfica (5-4 nos penaltis)

É mau. Ser eliminado da Taça é sempre mau.
A verdade é que o Leixões fez muito por merecer a sorte de passar. Assim como se o Benfica tivesse ganho nos penaltis hoje estávamos aqui a enaltecer a capacidade de luta da equipa e a dizer que mereceram a sorte.
Fomos eliminados no estádio do Mar em noite de temporal contra a equipa sensação da época portuguesa. Já lá tínhamos ido perder 2 pontos há 2 meses e por isso temos pontos de comparação. Eu acho que o Benfica jogou bem melhor esta noite do que no jogo do campeonato. O Leixões teve menos bola, e foi menos perigoso atacar, no entanto a garra com que jogam cada bola continua a ser impressionante e de elogiar.
Pelo meio continuo com a sensação que não temos muita "sorte" com as arbitragens. Esta nova moda de amarelar jogadores nossos só por respirarem é curiosa, e aquele lance sobre o Nuno Gomes já na recta final também foi curioso.
De resto o Benfica até podia ter marcado por Sidnei que incrivelmente acertou em Beto, que revelou-se o autor principal da façanha leixonense.

Como treinador de topo sul achei que Aimar foi um enorme equivoco no "onze" de Quique que demorou muito a perceber isso. E não gostei das mexidas na equipa. Para mim era mais ou menos evidente que Cardozo devia ter saltado para o lamaçal bem mais cedo e no lugar de Aimar para recuar um pouco Suazo de maneira a fugir à impecável marcação dos centrais do Leixões.
A atitude está lá, e eu gosto. Eu vi o Benfica lutar, eu vi o Luisão gritar para os colegas, eu vi o Benfica procurar resolver as coisas em tempo útil. E quando assim é metade da desilusão passa-me mais depressa.
Não fiquei com a fúria que me invadiu há duas épocas quando caímos na Póvoa de Varzim. Isto assim é diferente. Não é o Benfica que perder, é o Leixões que conseguiu mais esta noite.
Como diz o R.A.P. também acho bem feito sairmos da Taça da TVi. É bem feito, com "cachets" rídiculos destes só voltamos para o ano com a Benfica TV A negociar as transmissões.
Ainda para mais os lags já tinham desistido da competição e por isso a piada em vencer mais um Taça já não era a mesma.
Parabéns ao Leixões que me impressiona pela capacidade de luta em cada minuto do jogo.
Quanto a nós é levantar a cabeça e pensar em vencer para a UEFA na 4ª feira para ganharmos balanço para defender o nosso 1º lugar no campeonato e levar mais a sério aquela Taça da Carslberg que nunca ganhámos.

Etiquetas: ,

posted by J G at 12:57 da tarde . | link | 18 Comentários

sábado, 13 de dezembro de 2008

Leixões - Benfica

Etiquetas: ,

posted by J G at 12:15 da tarde . | link | 6 Comentários

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

O Momento Mais Alto do Encarnado e Branco

Hoje na edição do jornal O Benfica:



Sem qualquer tipo de pretensiosismo digo que ao longo dos últimos anos, desde os tempos do Terceiro Anel, habituei-me a ver textos meus, opiniões minhas, destacadas em orgãos de informação importantes, tanto na rádio, como na televisão, e principalmente em jornais.
Quando sei desses destaques tento sempre dar eco aqui neste espaço, porque é simpático e porque sobretudo é gratificante saber que há olhos atentos ao que vamos opinando na blogosfera encarnada.
Mas hoje é diferente. O facto deste humilde blogue ter sido escolhido, e destacado no jornal oficial do meu clube enche-me de um orgulho, e alegria, que me faz sentir que já posso fechar o blogue porque cheguei ao ponto mais alto.
Obrigado pela atenção.
Viva o Benfica!

Etiquetas:

posted by J G at 2:40 da tarde . | link | 21 Comentários

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Bilhetes para Matosinhos na Luz

Os ingressos para o Leixões-Benfica, partida a contar para os oitavos-de-final da Taça de Portugal, já estão à venda nas bilheteiras do estádio da Luz. Com preços entre os 10 e os 22 euros, os cerca de 2000 bilhetes para a deslocação a Matosinhos (sábado, às 20h45) poderão ser adquiridos até esta sexta-feira, entre as 9 e as 19 horas.

Etiquetas:

posted by J G at 3:19 da tarde . | link | 2 Comentários

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Pronto! Está o Caldo Entornado... (Estou Contigo, José Nuno Martins!)

Isto ia bem de mais para ser verdade.
No fim de semana tive o cuidado de , mais uma vez, elogiar aqui o trabalho do Director do Jornal O Benfica José Nuno Martins.
O editorial da última sexta foi certeiro e directo aos jogadores do clube que são sempre protegidos, e os últimos a serem atacados mesmo quando dão claras mostras de desleixo.
Disse mesmo que nunca tinha lido nada de tão ousado e certeiro naquele jornal. A seguir o Benfica deu 6 na Madeira.
Hoje, segundo o suspeito Correio da Manhã, já se fala em demitir José Nuno Martins:

"Eles [jogadores] não são nenhumas flores de estufa a quem tudo tenha de ser indefinidamente perdoado" – esta foi uma das frases do Editorial escrito por José Nunes Martins na última edição (dia 5) do jornal ‘O Benfica’, sob o título ‘Enervante Displicência’, que desagradou a jogadores, a técnicos e a dirigentes dos encarnados.

Segundo soube o CM, a direcção do clube da Luz pretende mesmo que José Nuno Martins deixe o cargo de director do jornal do clube, que ocupa desde Maio. 'Não é admissível que após uma derrota [5--1, com o Olympiakos] para a Taça UEFA e um empate injusto [2-2, com o V. Setúbal, para a Liga], as críticas à equipa sejam feitas por um elemento que tem a confiança dos dirigentes', adiantou uma fonte oficial do clube da Luz.

'José Nuno Martins não poderia ter escrito o que escreveu. Uma coisa é a opinião de um colunista, que deve ser sempre considerada livre, outra é o próprio director de uma publicação do clube tecer comentários inaceitáveis', observou a mesma fonte, frisando que Martins, assim que se apercebeu do 'incómodo' que provocou junto de jogadores, dirigentes e técnicos, deveria ter 'colocado o lugar à disposição'.

Um dos jogadores, aliás, que deu conta da revolta sentida no balneário com o Editorial de José Nuno Martins, foi Luisão, após a goleada (6-0) da equipa no Funchal, frente ao Marítimo. 'Não éramos os piores quando perdemos com o Olympiakos e empatámos com o V. Setúbal, nem agora somos os melhores por termos ganhado por 6-0. Esta é resposta que tinha de ser dada, depois de algumas críticas injustas que ouvimos depois desses resultados menos conseguidos', afirmou o central brasileiro.

O Correio da manhã soube, ainda, que a maioria das pessoas que trabalha no ‘O Benfica’ não concordou com a opinião do director.

Contactado pelo CM, José Nuno Martins declarou: 'Não discuto assuntos do Benfica fora do universo do Benfica.'


Fico muito revoltado se o clube não souber mostrar que sabe viver com críticas construtivas.

Eu estou totalmente ao lado de José Nuno Martins!

Etiquetas:

posted by J G at 9:52 da manhã . | link | 21 Comentários

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Somos o Primeiro

Como é bom estar na nossa vida normal e não se incomodado por ninguém.
Ouvi-los a rosnar pelos cantos.
Ouvi-los a dizer que é por pouco tempo.
Perceber que, afinal, metade das pessoas que conhecemos deixaram de gostar de bola no domingo.
Que a alegria após a tragédia grega deu lugar à apatia, e indiferença.
Somos o Primeiro.

Etiquetas:

posted by J G at 2:04 da tarde . | link | 4 Comentários

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Marítimo 0 - 6 Benfica



Já estou por tudo, por isso continuo a dizer que vamos ser campeões.
Já levámos a tareia da época e hoje vingámo-nos das piadinhas dos 5 com uns valentes 0-6! Assim de repente não me lembro do Benfica espetar 6 secos fora de casa no campeonato. Nem em Alvalade!
Mas o que mais impressiona nesta noite é que tivemos que marcar um golo por cada cartão amarelo exibido a um jogador nosso. Nunca tinha visto tal festival amarelo. Ganhámos por 0-6 e acabámos a partida com 6(!!) jogadores amarelados. Espectáculo!
O futebol, e o Benfica, são mágicos por isto mesmo. Em 90' acaba-se com a conversa do Quim, dos 5-1 na Grécia, e dos falhanços em chegar à liderança.

Pois bem, já somos primeiros, até logo à noite pelo menos, e mostramos argumentos de peso na luta pelo título, argumentos chamados Suazo, Reyes, Aimar, e até Nuno Gomes que entrou com tudo.
Não somos tão maus como fizeram crer nos dias a seguir à tragédia grega, nem somos tão arrasadores como estes 0-6 podem levar a crer. Estamos em busca do equilíbrio que nos aguenta o resto da época na frente dos outros.
Hoje foi um jogo fantástico, daqueles em que tudo sai bem e daqueles que nos vamos lembrar por muitos anos. A noite em que fomos ao Funchal dar 6 no Marítimo que tinha a melhor defesa do campeonato até à nossa visita na Ilha.
Que bela jornada.

Etiquetas: ,

posted by J G at 2:13 da manhã . | link | 11 Comentários

domingo, 7 de dezembro de 2008

Marítimo - Benfica

Etiquetas: ,

posted by J G at 4:03 da manhã . | link | 5 Comentários

sábado, 6 de dezembro de 2008

Convocados Para a Madeira: Quim de Fora

Guarda-redes: Moretto e Moreira;
Defesas: Luisão, Maxi, Miguel Vítor, David Luiz e Sidnei;
Médios: Reyes, Balboa, Katsouranis, Aimar, Ruben Amorim, Binya, Yebda e Urreta;
Avançados: Cardozo, Suazo e Nuno Gomes.

Etiquetas:

posted by J G at 1:04 da tarde . | link | 0 Comentários

Bem Haja, José Nuno Martins

Nas últimas semanas tem sido hábito elogiar o trabalho do director do Jornal do Benfica.
É mais do que merecido.
Mas esta semana voltei a ser surpreendido positivamente. Não me lembro de ter lido alguma vez um texto tão sóbrio e acutilante naquele jornal como o editorial desta de José Nuno Martins.
Desta vez nem o vou reproduzir aqui porque quem não leu e tem curiosidade deve mesmo comprar o jornal e reflectir naquelas palavras certeiras.
Precisamos muito de alguém como José Nuno Martins na estrutura do nosso clube. Sem dúvida.
O melhor que posso dizer é que se eu por felicidade fosse o director daquele jornal não teria conseguido passar melhor mensagem que aquela.
Bem haja, José Nuno Martins.

Etiquetas:

posted by J G at 12:44 da tarde . | link | 2 Comentários

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Agenda dos oitavos-de-final da Taça de Portugal

Sábado, 13 Dez
CD Cinfães (III) - FC Porto (L), 15h00, SportTV1.
Naval 1º Maio (L) - Portimonense (LH), 15h00.
Estrela da Amadora (L) - Olivais e Moscavide (II), 16h00
Leixões (L) - Benfica (L), 20h45, TVI.

Domingo, 14 Dez
Atlético Valdevez (II) - Vencedor Jogo Santa Clara (LH) - União da Madeira (II).
CD Trofense (L) - Nacional (L), 15h00.
Paços Ferreira (L) - FC Vizela (LH), 16h00.
Vitória de Setúbal (L) - Vitória de Guimarães (L), SportTV1, 18h00

Etiquetas:

posted by J G at 2:41 da tarde . | link | 0 Comentários

A Bíblia do Benfica



«Para milhões de pessoas em todo o Mundo, o Benfica, mais do que um clube, é um culto. Uma manifestação desta grandeza precisava da sua bíblia. Ao ler este livro fiquei a saber coisas que eu desconhecia e outras que não me lembrava...», assim escreveu Rui Costa no prefácio desta publicação que chega às bancas durante este mês.

Etiquetas:

posted by J G at 12:33 da tarde . | link | 3 Comentários

O Jornal Sai Hoje

Etiquetas:

posted by J G at 12:24 da tarde . | link | 0 Comentários

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Derby de Inverno: Vitória

2-1 para o SLB.

Etiquetas:

posted by J G at 12:46 da tarde . | link | 1 Comentários

UEFA

SÓ resta uma hipótese: para continuar em prova na Taça UEFA, o Benfica tem de golear o já apurado Metalist por oito golos, a 17 de Dezembro, e, ao mesmo tempo, esperar que o Olympiakos-Herta termine empatado.

Etiquetas:

posted by J G at 12:44 da tarde . | link | 5 Comentários

Faça-se Nova Estátua ( Mas Ainda Maior)!

O Rei Eusébio merece. Teve hoje a sua tirada mais genial dos últimos tempos:

«Muitos ainda hoje dizem que fui roubado pelo Benfica, mas na realidade foi exactamente ao contrário. O Sporting é que queria raptar-me, mas não conseguiu porque não gosto nada do Sporting. Sou benfiquista», afirmou Eusébio, durante a apresentação do novo livro de João Malheiro.

Nem eu, nem eu.
Ah, grand'Eusébio!

Etiquetas:

posted by J G at 2:36 da manhã . | link | 9 Comentários

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

E Para Apitar na Madeira...

... o escolhido é...
Artur Soares Dias!
De onde?
Do Porto, claro.
Bravo!

Etiquetas:

posted by J G at 1:26 da tarde . | link | 4 Comentários

Força Quim ( Há Quem Esteja a Sofrer Mais que Tu)

Lê-se n'A Bola:
Daniel Zitka, guarda-redes do Anderlecht, viveu uma noite de pesadelo na última sexta-feira, na partida do campeonato belga com o Dender. A equipa de Bruxelas até venceu (2-0), mas o internacional checo, 33 anos, ao sair da baliza para socar uma bola, fracturou a perna e partiu dois dentes. Quando era transportado para a ambulância, ainda no relvado, caiu da maca após um bombeiro ter escorregado.

Etiquetas:

posted by J G at 1:25 da tarde . | link | 1 Comentários

Contas da UEFA

O Benfica não joga esta ronda da UEFA e fica a fazer contas logo à noite.
O Benfica precisa que o Hertha perca (de preferência) ou empate e que Metalist ou Olympiakos vençam hoje. De preferência os gregos, e por muitos.
Se o Hertha ganhar ou se houver empate no Metalist-Olympiakos já não há mais contas possíveis para seguir em frente.

Etiquetas:

posted by J G at 1:12 da tarde . | link | 1 Comentários

Derby de Inverno

O derby Benfica-Sporting, referente à quinta e última jornada do Campeonato de Inverno da Liga Intercalar, zona sul, a realizar-se hoje, a partir das 19 horas, no campo principal do Caixa Futebol Campus, no Seixal, será transmitido em directo na Benfica TV, canal 30 do Meo, e na RTP-N.
As águias têm mais um ponto do que os leões (seis contra cinco), mas nenhuma das equipas tem já a possibilidade de se sagrar campeã de Inverno.

Os sócios do Benfica têm entrada gratuita, mas para tal devem fazer o antecipado levantamento dos respectivos ingressos para associados, nas bilheteiras do centro de estágio benfiquista. Para o público em geral, o preço dos ingressos é de 5 euros e podem ser adquiridos, a partir das 14 horas, no Caixa Futebol Campus.

Etiquetas:

posted by J G at 1:08 da tarde . | link | 1 Comentários

Toni Brito e Sá

Um juvenil que vale 300 mil euros?
Pelos vistos o Chelsea quer pagar isso pelo jovem Toni, nascido em 1993, que chegou ao Seixal em Dezembro de 2007, proveniente do Real Massamá, emblema da linha de Sintra ao qual o Benfica pagou sensivelmente 20 mil euros.

Etiquetas:

posted by J G at 1:04 da tarde . | link | 0 Comentários

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Os Dinheiros (oficiais) dos Árbitros

Etiquetas:

posted by J G at 1:51 da tarde . | link | 4 Comentários

Benfica 2 - 2 Vitória Setúbal


Oh diacho... Isto parece estar amaldiçoado para os nossos lados!
Um golo marcado aos 92 minutos, com um pontapé de bicicleta(!) fora da grande área (!!!) que leva a bola a entrar entre a barra e o Quim de uma maneira que eu desde que saí do estádio ainda nem percebi bem como foi possível. Um golo que nos roubou a liderança. Um pontapé acrobático que nos gelou.

A questão aqui é que esta noite houve Benfica a sério, mas também houve desfile de fantasmas do passado.
A primeira parte foi menos conseguida, mas sentiu-se o Benfica atrás do golo, à procura da vantagem.
Mas estes sadinos não são de confiança e chegaram mesmo à vantagem, e até andaram perto de mais uma gracinha.
Ou seja tudo o que se viu de Benfica na primeira parte foi insuficiente , era preciso muito mais.

A entrada a todo o vapor na segunda metade não deixou dúvidas, os rapazes querem ganhar, querem ir para a frente, e chegaram cedo ao empate.
Motivaram-se, e motivaram as bancadas que puxaram pelos jogadores até à vitória que parecia construída nos pés de Suazo que selou a reviravolta.
Vitória que foi cimentada, e que seria descansada, num lance que nada fica a dever ao golo do Vitória. Isto é, tal como o golo tardio dos sadinos é muito estranho, a anulação ao 3-1 do Benfica também entra directamente para a galeria de cenas bizarras que já presenciei num campo de futebol.
Então o Reyes sofre falta flagrante, mas o árbitro faz sinal que vai dar a lei da vantagem já que a bola sobra para Jorge Ribeiro que centra de imediato para golo. Ora entre a vantagem dada e o golo , em segundos portanto, o árbitro volta atrás e marca a falta sobre o Reyes.
Fantástico. Esta nunca tinha visto.

Depois quando pensava eu numa vitória normal e natural, lá veio o tal golo que me deixa preocupado.
Nesta altura já fizemos o suficiente para andarmos a liderar este campeonato, se não chegamos lá é porque anda qualquer coisa enguiçada para os nossos lados.
Ai anda, anda.
Por falar nisso, o Moreira está em forma?

Etiquetas: ,

posted by J G at 12:04 da manhã . | link | 13 Comentários

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Rumo ao Nosso Lugar

Ah e tal a chuva... E o frio... E é à noite...
Chega! Benfiquistas, hoje podemos ir para o 1º lugar do campeonato. É feriado, durmam durante o dia, aqueçam-se durante o dia, mas à noite todos ao estádio da Luz para empurrar a equipa para o nosso lugar.

Etiquetas:

posted by J G at 1:26 da tarde . | link | 4 Comentários

Benfica - Vitória de Setúbal

Etiquetas: ,

posted by J G at 1:18 da tarde . | link | 0 Comentários